Central de atendimento: (13) 2104-5000 | Chat

Diagnóstico precoce de doenças graves pode salvar visão

Quando foi a sua última consulta ao oftalmologista? Se a resposta é há mais de um ano atrás, está mais do que na hora de fazer uma visita. Isso é importante porque muitos problemas oculares graves podem ser completamente curados se tratados cedo. Do contrário, acabam sendo descobertos tarde e os efeitos são mais sérios para a saúde dos olhos. O diagnóstico precoce salva muitas pessoas de cegueira e outros problemas oculares.

Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 246 milhões de pessoas sofrem de algum tipo de problema ocular que causa perda média ou completa da visão. De acordo com pesquisa da Unidade Pernambucana de Atenção Especializada (UPAE), o índice chega a este nível porque a população não possui o hábito de fazer consultas regulares ao oftalmologista em intervalos saudáveis, permitindo que doenças graves se desenvolvam.

Doenças como o glaucoma e diabetes impactam a saúde ocular e podem agir como males silenciosos, já que demoram a exibir sintomas e, quando o fazem, o quadro está em seu estado avançado. A devida classificação da doença e o início do tratamento devem ser feitos o quanto antes, e a melhor forma de conter os avanços de doenças oculares graves é respeitando uma regularidade nas consultas oculares.

Agora, repetimos a pergunta do início do post. Quando foi a sua última consulta ao oftalmologista? Lembre-se da importância de diagnosticar doenças graves cedo. Aproveite toda a conveniência e marque a sua consulta conosco pela internet.