Quando procurar um oftalmologista?

Diferente do que muitos pensam, o médico oftalmologista não trata apenas dos erros refrativos como Miopia, Hipermetropia e Astigmatismo. Entre as diversas especialidades que a área atinge, o oftalmologista previni as doenças dos olhos e promove a saúde ocular.

ENTENDA A DIFERENÇA ENTRE MIOPIA, HIPERMETROPIA E ASTIGMATISMO

A atenção para os olhos deve começar desde cedo: a estimativa é que dois em cada três casos de cegueira, poderiam ter sido evitados com um diagnóstico precoce e tratamento adequado.

Quando procurar um oftalmologista?

Bebês recém nascidos:

A partir do primeiro mês de vida. O ‘Teste do Olhinho‘ – um exame do fundo do olho – pode detectar precocemente diversas alterações oculares.

Crianças e adolescentes:

Em sua grande maioria, crianças não conseguem identificar sozinhas problemas em sua visão. Por isso, recomenda-se no mínimo uma vez por ano uma visita ao Oftalmologista, além de atenção especial em casos como:

  • Apresentar mau rendimento nos estudos;
  • Reclamar constantemente de dores de cabeça;
  • Apresentar coceiras ou sinais de vermelhidão nos olhos;

Adultos e jovens:

  • Apresentar dor de cabeça de origem desconhecida;
  • Ardência e olho sêco;
  • Lacrimejamento constante;
  • Buscar se livrar do uso de óculos, efetuando a cirurgia refrativa;

Adultos (Maturidade) e Idosos:

  • Apresentar embaçamento na vista;
  • Verificação do glaucoma;
  • Exame do fundo do olhos, para prevenção e tratamento dos problemas da retina;
Ficou com dúvida sobre algum termo nesse post? Acesse o nosso glossário oftalmológico.